All for Joomla All for Webmasters

A Ao vivo

Previous Next

Eumir Deodato - SESC Pompeia (18.01.18)

User Rating: 0 / 5

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive
 

Não é todo dia que um dos maiores músicos da história da humanidade vem até sua cidade dar um show. Por isso, nem mesmo a greve do metrô anunciada para a última quinta-feira (18) esvaziou o Teatro do SESC Pompeia, que recebeu nada menos que Eumir Deodato para uma verdadeira aula de música.

Acompanho de enato Massa Calmon na bateria, Alexandre Katatau (Baixo Elétrico), Webster Santos (Guitarra Elétrica) e Bolão (Congas e percussão), todos músicos de grosso calibre, Eumir revisitou páginas de sua história que só justificam porque o mundo o ovaciona de forma tão impressionante. Parceiro de artistas como Aretha Franklin, Kool & The Gang, Björk, K.D. Lang e Milton Nascimento, o músico carioca foi do jazz ao rock alternativo, da trilha de novela das 21h até o filme Exorcista com uma maestria inigualável. Por isso o resultado não poderia ser menos que genial.

Como bom contador de história, Eumir trouxe parte de seu repertório mais clássico como Carly & Carole, homenagem a Carole King e Carly Simon, e Assim falou Zarathustra, de Richard Strauss (tema do filme 2001: Uma Odisséia no Espaço. Homenageou ídolos como Steely Dan, a quem entregou uma versão impressionante de seu maior clássico, Do It Again, além de tantas outras fases de uma carreira tão impressionante.

Emprestando seu papel de coadjuvante com o guitarrista Webster Santos, Eumir mostrou que ao longo de seus 75 anos está melhor do que nunca, mesmo sem precisar ser melhor que um dia fora. Com um nível elevadíssimo, foi do fusion ao samba, do funk ao rock sem perder a assinatura que o consagrou. E deu aula, na essência maior da palavra. Entre amigos e fãs, fez da noite do dia 18 algo para não ser esquecido.

Ao lado de João Donato, outra lenda em atividade, Eumir faz apresentações que soam um alento para que não teve a chance de viver a época de suas primeiras composições. Com ingressos esgotados e muito vigor, fica a torcida por um breve retorno do pianista carioca, que hoje mora em Orlando, nos Estados Unidos, mas segue 100% brasileiro e dono de uma musicalidade que o coloca no panteão dos maiores ícones da história da música.

A música passa por aqui.

Email:

contato@revistasom.com.br

Fone:

11 98022.7441

Mídias Sociais