All for Joomla All for Webmasters

L Lançamentos

Previous Next

Robert Cray - Robert Cray And Hi Rhythm

User Rating: 0 / 5

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive
 

Existem momentos na vida de cada um em que você não quer pensar. Quer que alguém pense para você. Muitas vezes esse também é o papel da música de quem durante o dia trabalha sem parar e chega à noite em casa com a cabeça quente, esgotada por um zilhão de problemas que provavelmente vão buscar tirar o seu sono. É nessas horas que você percebe o verdadeiro papel da música.

Responsável por canalizar milhões de sentimentos, a música – e nesse caso o blues – muitas vezes é fundamental na hora que cada um precisa esvaziar a mente e relaxar um pouco. Dono de uma discografia irretocável, Robert Cray pode ser o cara que vai dar a você tudo o que é necessário para encerrar um longo dia. E sim, te preparar para uma boa noite.

Seu novo álbum, Robert Cray And Hi Rhythm, ultrapassa a barreira de duas dezenas de lançamentos que impressionam pela serenidade. Aliando uma técnica apurada a algumas interpretações dignas de um soulman, Cray parece ter a mão cheia para bons álbuns, o que se repete em seu novo trabalho.

Robert Cray And Hi Rhythm – assim como toda sua extensa discografia – não é um disco complexo. Longe disso, o bluesman americano nunca se intimidou com o pop e sempre realizou um flerte bem-sucedido com o gênero que hoje é condenado pela baixa qualidade. Em outras palavras, o que se espera de Robert Cray em seu novo álbum é justamente que ele realize um trabalho competente e de alto nível, algo que ele já faz com os pés nas costas há anos. Some a isso o fato da Hi Rhythm Section ser a banda que acompanhou nomes como Al Green durante a carreira e pronto...

Logo de cara, sempre caminhando pelo blues rock, The Same Love That Made Me Laugh e You Must Believe in Yourself trazem sua sempre entrosada banda afinada ao seu discurso à medida em que o disco se desenvolve. São solos curtos, ótimas melodias e um ritmo que vai desabando até a primeira balada do disco, Aspen, Colorado, uma faixa feita sob medida para dias que sua mente precisa esquecer.   Esse mergulho em uma música mais intimista se mantém ainda nas boas You Had My Heart e The Way We Are, essa última seguramente uma das mais belas do disco.

Sem se alongar em nenhuma faixa e obedecendo qualquer padrão esperado para quem não deseja mergulhar tão fundo na alma de um bluesman, Robert Cray acerta com rara felicidade na disposição das faixas que compõem seu disco.   Isso ajuda na sequência I'm with You, Pt. 1 e Pt. 2, dispostas como check points de um disco que se encerrar com um blues do mais alto nível.

Não há segredos em Robert Cray And Hi Rhythm. Disco que serve muito bem de porta de entrada para quem pretende se aventurar pelas estradas tortuosas do blues, tanto quanto para quem compreende o significado de uma fazenda de algodão, o novo trabalho do bluesman americano é só mais um dos muitos bons discos gravados ao longo da carreira. Carreira essa que torcemos para que dure muitos e muitos anos. A música precisa de Robert Cray tanto quanto nós de um fim de dia tranquilo para relaxar.

A música passa por aqui.

Email:

contato@revistasom.com.br

Fone:

11 98022.7441

Mídias Sociais