All for Joomla All for Webmasters

L Livros

Previous Next

Coltrane (Autor: Paolo Parisi)

User Rating: 0 / 5

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive
 

Em HQ inspirada na vida de um dos maiores artistas do século XX, Paolo Parisi repassa episódios marcantes da vida de John Coltrane em uma narrativa que define bem a linha tênue que separa as pessoas normais dos grandes ícones da humanidade.

Imagine sua vida sendo contada através de seus fatos mais importantes, aqueles que mudaram de forma definitiva o rumo de sua existência durante os anos seguintes. Obviamente essa construção mental tão repentina não colocará cada um desses elementos na ordem correta, o que é normal e dá ainda mais brilho à obra de Paolo Carisi, italiano responsável pela biografia em quadrinhos de nada menos que John Coltrane.

Ausente de qualquer diálogo mais extenso e apresentada de forma visceral, a HQ COLTRANE sintetiza tudo que envolve a história do saxofonista responsável por clássicos como A Love Supreme, lançado em 1964. O primeiro contato com o instrumento, a ligação com Miles até se tornar bandleader e mergulhar de vez em um universo particular, além do vício em heroína e sua busca pela superação de limites... tudo é colocado sem cerimônias e até de forma desconexa, como um grande sonho onde um herói imperfeito vai sendo construído.

Resumo breve, daqueles que você consegue ler em menos de uma hora, COLTRANE é a porta de entrada para algo muito maior e complexo, tal qual o próprio jazz, onde quem se interessar terá a condição de unir pontos pelo qual a HQ vai explorando de forma sintetizada. Produzida em um clima quase noir, os traços duros de Parisi dão consistência a um diálogo que desperta em seu leitor a curiosidade em mergulhar sobre cada episódio narrado, alguns deles de no máximo 3 ou 4 páginas.

Mesmo sendo uma HQ baseada em um personagem que hoje é reverenciado aos quatro cantos, COLTRANE passa longe do otimismo e glamour pelo qual o jazz hoje convive com as classes mais altas. A opção do autor em explorar seu conteúdo apenas em preto e branco se torna fundamental para compreender o tamanho do sofrimento pelo qual o saxofonista e sua família passaram durante toda a vida. Dessa forma, cenas que envolvem racismo e violência soam duras o suficiente para isentar qualquer caminho escolhido por John durante a vida.

Suas paixões e frustrações, negócios e formações são a chave de uma HQ que devia ser obrigatório a todos que procuram uma ponta de iceberg para desbravar o – até hoje obscuro – universo do blues. Nem tão popular quanto Miles Davis e nem tão desconhecido como Bill Evans, a HQ COLTRANE, de Paolo Parisi, vale a pena e encurta um roteiro que pela capa já dá seu recado, mas que fica muito melhor quando desbravado página a página.

A música passa por aqui.

Email:

contato@revistasom.com.br

Fone:

11 98022.7441

Mídias Sociais