All for Joomla All for Webmasters

M Matérias

Previous Next

O voo de Kristeen Young

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive
 

Primeira atração do projeto XYZ Live, Morrisey se apresentará em Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo. Considerado o “maior inglês vivo” da atualidade, conforme afirmou o jornal The Guardian, o ex-vocalista dos Smiths virá em companhia da talentosa Kristeen Young, cantora e pianista que, apesar de desconhecida no Brasil, acumula grande experiência na carreira e seis álbuns na bagagem.

Nascida em St Louis, Estados Unidos, Kristeen é filha de pais Apaches e foi criada sob rígidas regras em sua infância, demorando a ter interesse pela música. Seu interesse pelo piano nasceu quando entrou na Webster St. Louis University e passou a estudar o instrumento e passar por pequenos grupos, onde sua voz começava a ganhar mais força e seu ímpeto a colocava cada vez mais distante do lugar onde nasceu.

Com o baterista Jeff White, Kristeen gravou dois álbuns, Meet Miss Young and Her All Boy Band (1997) e Enemy (1999), ambos sem muita experssão, mas em 2003 que sua vida começaria a mudar e traçar um rumo digno de um conto de fadas.

Cantando em bares de sua cidade e com uma voz cada vez mais poderosa, Kristeen foi descoberta pelo lendário produtor e músico Tony Visconti, que acumula em sua carreira trabalhos ao lado de nomes como David Bowie, Paul McCartney, The Moody Blues, Rick Wakeman, Badfinger, T. Rex e Thin Lizzy.

A paixão de Tony por Kristeen foi instantânea e seu trabalho seguinte, Breasticles (2003), já ganhava de vez o mundo da música, causando furor na crítica inglesa, que passou a compará-la com a cantora Tori Amos. Além disso, a participação de David Bowie na faixa Savior mostrava que a tecladista sabia muito bem transitar entre o glam rock do camaleão e a música alternativa, adquirindo um considerável público.

Ao lado de Jeff White, Kristeen Young vem ao Brasil pela primeira vez - Créditos: Divulgação

Com personalidade forte e pronta para o sucesso, Kristeen Young lançou no ano seguinte o conceitual X (2004), disco que traria outra colaboração de peso, o vocalista Brian Molko, do Placebo. Ao lado de Jeff White, o duo se destacaria por suas temáticas polêmicas e o trabalho focado nos dez mandamentos começava a chamar a atenção de cada vez mais artistas do Reino Unido.

A vida de Kristeen se cruzou com a de Morrisey dois anos depois, quando The Orfans (2006) foi lançado. Sempre produzida por Tony Visconti, o álbum rendeu à tecladista a honra de acompanhar Morrissey em sua turnê do álbum Ringleader of the Tormentors, lançado no mesmo ano.

De lá para cá Kristeen tem sido coberta de elogios pelo ex-vocalista dos Smiths e presença certa em seus shows pelo mundo. Sua música ganhou de vez as arenas e sua ousadia rendeu outro álbum, Music For Strippers, Hookers, and The Odd On-Looker, novo disco conceitual lançado em 2009.

E é com um repertório baseado nesse álbum que Kristeen Young vem pela primeira vez ao Brasil, respaldada por ninguém menos que Morrissey, David Bowie e um dos maiores produtores da história, Tony Visconti. Com vocais de diva aliados a uma personalidade forte, a pianista trará ao país sua apresentação intensa, pronta para conquistar o público brasileiro. Um motivo nobre para que os fãs do “maior inglês vivo” cheguem cedo e confiram sua estreia no país, afinal, quem melhor que o próprio Morrissey para indicar a abertura de seu show?

A música passa por aqui.

Email:

contato@revistasom.com.br

Fone:

11 98022.7441

Mídias Sociais